14 de março de 2015

Caudalie Polyphenol C15 Olhos vs Vichy Idéalia Olhos

Hoje, enfrentam-se estes dois meninos:


O Idéalia foi a minha mais recente (e provavelmente última, que eu já tenho idade suficiente para saber que os milagres, na cosmética, cada vez são mais raros) incursão nos tratamentos para olhos que prometem reduzir as olheiras. É verdade, não me podendo queixar muito de rugas na zona dos olhos, as olheiras têm-me acompanhado desde que me lembro e são das coisas que mais me incomodam, até porque, por muito descanso que a minha pele tenha, não consigo ter aquele ar desperto e iluminado, sem recorrer ao corrector ou iluminador.


O creme é muito agradável de usar, hidrata bem a zona e tem um aplicador muito preciso, em forma de espátula, que ajuda a depositar o produto na zona. Depois, é só dar uns toques com o dedo até a sua completa absorção. Como creme "normal" de olhos não posso dizer que me desagradou e até acho que ajuda imenso a preparar a zona para a aplicação da maquilhagem.


A cor rosa, ligeiramente perlada, pareceu-me ser algo bom para neutralizar um pouco a zona da olheira e foi com grande expectativa que, dia após dia, o fui usando, de manhã e à noite.


A marca promete diferenças passadas 4 semanas: menos rugas, melhor qualidade da pele na zona dos olhos e menos sinais de fadiga. Comecei a usar este Idéalia em novembro quando escrevi este post e passaram bem mais de 4 semanas. Nem a tal "correcção óptica" que a Vichy promete vi. Infelizmente...


Atenção que não estou a dizer que este seja um mau creme de olhos, só não gosto de usar uma coisa que acaba por não corresponder, nem às minhas expectativas, nem às promessas anunciadas. Para quem procure um produto ligeiro mas hidratante, que deixe a pele da zona bastante suave e pronta a receber a maquilhagem, têm aqui uma excelente opção. Para as olheiras, deixem lá isso.

Já o Caudalie Polyphenol C15 que, para além de creme de olhos, também pode ser usado na zona do contorno dos lábios (zona onde nunca o usei, confesso) entrou nos meus favoritos aqui e aqui e surpreendeu-me pela sua capacidade de hidratação, numa altura em que o meu contorno ocular pedia muito pouco e eu estava um pouco obcecada com produtos antioxidantes. 


Este também prometia um mix entre correcção das olheiras e efeito antirrugas. Usei-o entre a primavera de 2014 e o final do mesmo ano, o que deu para perceber que é um creme para quem não exige muito de um produto deste género: hidrata e é só. Um pouco como o da Vichy, já que ambos são destinados a uma pele que não é jovem mas também não é madura, o resultado que notei após todos esses meses de uso não foi nada de extraordinário.
Bem sei que, ao não ter muitas rugas nesta zona (apenas uma ou outra, mais de expressão que de outra coisa), não seria de esperar uma mudança abismal. De qualquer forma, a pessoa espera sempre que os euros que gasta nestes cremes todos sirvam para alguma coisa, né?


O Polyphenol C15 Olhos também tem um aplicador muito preciso, daqueles que nos ajuda a não desperdiçar produto, e a textura mais gel que creme é muito agradável para a manhã mas não tanto para a noite, quando prefiro aplicar uma camada de um produto mais rico e nutritivo. 


Resumindo, ainda não foi desta que encontrei o "meu" creme de olhos e estou quase capaz de adoptar os conselhos da Sali Hughes que, no seu livro Pretty Honest, refere a ineficácia dos cremes para a referida zona, sugerindo que usemos o nosso creme de rosto na zona (atenção às reacções alérgicas e afins, nem todas as peles aceitam os produtos da mesma forma). 
Agora estou a ver se acabo um da Origins... Eu não aprendo!

6 comentários:

  1. Ando a usar o da Caudalie, e antes usei esse da Vichy...e para além de hidratação, também não notei mais nada. Não está fácil acertar no creme de olhos, mesmo nada:(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo! Já ando a estudar qual será o próximo...

      Eliminar
  2. O Lierac diopticernes é bem interessante, embora extremamente caro para a quantidade que traz!

    ResponderEliminar
  3. Depois de muitas experiências ( do da caudalie está na fila para testes), continuo a preferir de longe o advance night repair da estee lauder... Em termos de hidratação e confort, pelo menos. Não sei se faz milagres, provavelmente não, mas julgo que em prevenção de rugas tem-me sortido efeito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca experimentei o ANR para olhos, só o de rosto mas o único travão que lhe ponho é mesmo o preço!

      Eliminar

Obrigada pela visita! ;-)