30 de dezembro de 2014

Do ano novo...

2014 não foi um ano fácil. Também não foi um ano difícil. Foi um ano de aprendizagem. Às vezes esqueço-me que já não sou uma miúda, que já devia ter aprendido mas ainda me é difícil resguardar-me e desconfiar das "boas intenções" das pessoas.
Este ano tornei-me mais forte, menos vulnerável a esse tipo de situações mas isso não quer dizer que não me afetem. Por outro lado, fiquei ainda mais apegada àqueles que são mais importantes e mais próximos. Os meus "escudos", o meu porto de abrigo. Mas, felizmente, acabei também por conhecer pessoas espectaculares, que me mostraram que não faz mal gostarmos de certas coisas, mesmo que outros desvalorizem, ou pior, ridicularizem os nossos gostos.

Agora que estamos a entrar na recta final dos 365 dias que completam 2014, há coisas que me orgulho de ter conseguido, outras que quero manter na minha vida e há imensas que ainda quero concretizar.
Aprendi a desfrutar dos bons momentos que a vida nos traz, a salvaguardar o futuro sem comprometer o presente, a dar valor a tudo o que tenho de positivo sem me deixar amedrontar pelo negativo e, principalmente, a gostar de mim.

Sempre tive muitos complexos, alguns físicos, outros mais difíceis de resolver, mais profundos mas, com o passar dos anos e com a ajuda de pessoas que sempre acreditaram em mim, comecei a superá-los, um por um. Não estão todos aniquilados, alguns estão apenas adormecidos, mas neste longo processo houve, certamente, uma mudança verdadeira.

2015 será, sem dúvida, diferente de 2014. Espero que seja melhor. Acho que todos esperamos que o futuro seja melhor que o presente.
2015 será, certamente, melhor que 2014. Que venha o novo ano.

1 comentários:

  1. Identifiquei-me com tanta coisa do que li. Mesmo. Por outros desvalorizarem algumas coisas que eu gosto. Acontece muito. No meu caso ainda não aprendi a desfrutar dos bons momentos. Pode ser que 2015 traga isso de bom. E que venha o novo ano. Desejo uma boa passagem mas melhor ainda, um bom ano! ;) Beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita! ;-)