3 de janeiro de 2015

Um blush por dia (nem sabe o bem que lhe fazia) - Dia 9

Mais um blush dentro dos rosas (estes posts são bons para me aperceber da repetição que por aqui anda) e que durante algum tempo ficou ao abandono porque a minha pele era incapaz de o suportar. Os Baked Blush da Milani são muito conhecidos e, desde que algumas lojas online espanhola começaram a vender a marca, muito cobiçados, principalmente pela sua relação qualidade/ preço. 
Há cores para todos os gostos e todos têm partículas que lhes conferem algum brilho (se bem que algumas cores apresentam mais glitter que outras).

Têm sido muito comparados com os blushes minerais da Mac, que também são cozidos e também têm as tais partículas brilhantes, bem como uma forte pigmentação. Se tivermos em conta que cada Mineralize Blush da Mac custa acima de 20€ e estes Milani se conseguem por 7€, então as dúvidas começam a desaparecer.

Este Dolce Pink foi escolhido através de swatches disponíveis na Internet e pareceu-me ser dos que teria um brilho mais comedido. Não me enganei e este rosa pareceu-me logo bem, assim que abri a embalagem.







Apesar de gostar muito desta cor, inicialmente não me sentia muito bem a usá-lo porque me parecia que os brilhos faziam sobressair imenso os poros e só com um primer conseguia sair com ele aplicado. Entretanto, com as melhorias que a minha pele foi garantindo, já o posso usar mais frequentemente. 


Ainda com este pequeno handicap, estes Baked Blush são muito bons e recomendo-os vivamente. Podem comprar-se nas lojas online de sempre (Maquillalia, Primor) e na loja europeia da marca.

0 comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela visita! ;-)